Greve contra a Reforma Administrativa é marcada para 18 de agosto

Encontro Nacional dos/as Trabalhadores/as do Setor Público confirma agenda de luta contra à PEC 32

O Fórum das Centrais Sindicais definiu greve dos/as servidores/as públicos/as para o próximo dia 18 de agosto, como resposta à Reforma Administrativa (PEC 32). Essa também foi a principal resolução do Encontro Nacional dos/das Trabalhores/as do Setor Público, realizado entre os dias 29 e 30 de Julho, de forma virtual.

O Encontro Nacional, contou com a participação de mais de 5 mil pessoas, dentre esses/as, trabalhadores/as das três esferas – federal, estadual e municipal. A atividade, teve como objetivo debater e organizar a luta contra a PEC.

A agenda de luta aprovada inicia nesta semana, após o recesso parlamentar, com ato em Brasília no dia 3 de agosto. No dia 11 de agosto, dia do estudante, consta apoio à luta estudantil e no dia 18 de agosto, a da Greve Nacional dos/as Servidores/as Públicos/as.

A PEC 32 voltou a ser analisada por uma comissão especial da Câmara no dia 1° de agosto, momento de retorno do recesso dos/as parlamentares. A proposta acaba com diversos direitos dos/as servidores/as públicos/as, como a estabilidade, a progressão nas carreiras, o Regime Jurídico Único (RJU) e os concursos públicos.

Ao aprovar a PEC, o Estado deixa de prestar serviços e programas essenciais à população e abre brechas para o desmonte do serviço, para corrupção, a precarização e a demissão de servidores/as.

+++Sindicalistas preparam nova campanha contra a Reforma Administrativa de Bolsonaro, Guedes e Lira

Em Alagoas, o Sintietfal e outros sindicatos dos/as servidores/as públicos/as devem colocar nas ruas novas peças publicitárias contra a Reforma Administrativa e, principalmente, contra Arthur Lira, presidente da Câmara de Deputados e padrinho da PEC 32.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *