Organizações marcam ato “Respeita o voto do povo brasileiro” para sábado, dia 12

Além da mobilização, ficou definida uma aula pública na Ufal em defesa da democracia e uma petição on-line pelo fim das manifestações golpistas em Maceió

Respeita o voto do povo brasileiro! Com esse tema, será realizado no próximo sábado, dia 12 de novembro, às 10 horas, no Calçadão do Comércio, diante do antigo Produban, um ato público em defesa da democracia.

A mobilização foi marcada em reunião do comitê antifascista, que reuniu partidos, sindicatos, organizações e movimentos sociais, na tarde desta terça-feira, dia 8 de novembro, na sede da Adufal. O Sintietfal esteve representado por seu presidente, Yuri Buarque.

O objetivo das organizações é ganhar o conjunto das forças progressistas e democráticas para retomar atos de rua em defesa do respeito ao resultado das eleições e da garantia da posse do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva.

Além do ato público no sábado, ficou definida uma aula pública na Ufal em defesa da democracia e uma petição on-line, destinada ao Governador, ao Ministério Público e à Prefeitura de Maceió, pelo fim de manifestações golpistas na Avenida Fernandes Lima, que contam com o apoio ilegal de empresários, pastores e de setores da polícia.

“São criminosos/as. Não só porque atentam contra o Estado democrático de direito, mas também por sua pauta. É um movimento que não reivindica nenhum direito, pelo contrário é um movimento que quer acabar com direitos”, disse Yuri Buarque, presidente do Sintietfal, referindo-se à defesa antidemocrática de ser contra a escolha da maioria do povo brasileiro.

A aposentada do Ifal Ivanilda Verçosa também esteve na reunião e reforçou a importância da mobilização neste momento. “Sou da geração 68, da geração que lutou contra a ditadura. A palavra-chave é mobilização. Temos que mobilizar sindicatos, entidades, movimentos sociais. Se a gente não partir da mobilização, mesmo a gente tendo vencido a eleição, podemos amargar uma derrota”, disse.

Presentes

Participaram da reunião o Sintietfal, a Adufal, o DCE-Ufal, a Fenet, o MTST, a FNL, o MLB, movimento PDT Raiz, gabinete da Teca Nelma, a Resistência Popular, o Psol e a Unidade Popular.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *